Cargas exportadas pela ZPE Ceará têm aumento de 15%

Cargas exportadas pela ZPE Ceará têm aumento de 15%
De acordo com o presidente da ZPE Ceará, durante o primeiro semestre deste ano, passaram 6 milhões de toneladas pelo complexo.
Fonte: Diário do Nordeste, 08/08/2018.

“A Zona de Processamento de Exportação (ZPE) do Ceará, localizada no município de São Gonçalo do Amarante, no Pecém, registrou alta de 15% no volume de cargas exportadas por lá, de janeiro a julho de 2018 em comparação com igual período do ano passado. A informação foi confirmada por Mario Lima Júnior, presidente da ZPE Ceará, durante a quarta Reunião das Administradoras de ZPE, em Brasília, na tarde da última quarta-feira (8).

Durante o evento, realizado na sede do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Lima Júnior comentou que, de janeiro a julho deste ano, já passaram mais de 6 milhões de toneladas pelo terminal industrial cearense. O desempenho foi comemorado pelo presidente da ZPE Ceará, que mencionou o processo de aprendizagem constante no gerenciamento do equipamento.

“Estamos no terceiro ano de trabalho e seguimos sem problemas, mas a ZPE é uma eterna escola, que tem que ser rápida, eficiente e de forma ágil, e essa conexão com o Porto do Pecém leva a uma eficiência conjunta muito interessante para o nosso Estado”, disse Mário.

O presidente da ZPE Ceará ainda comentou que o sistema aplicado no complexo foi fundamental para evitar problemas no direcionamento de cargas durante a greve dos caminhoneiros. Segundo ele, com a paralisação, a zona de processamento no Estado até registrou um acúmulo de placas de aço, mas que foi revertido nos dias seguintes.

“A greve dos caminhoneiros teve uma ação muito restrita e como o volume de movimentação é muito alta, o fluxo já foi recuperado, claro que houve um acumulo de placas de aço para o exterior, mas está correndo tudo normal e já tivemos a recuperação do sistema, não sendo nada preocupante”, avaliou.

Organização

A abertura do evento em Brasília contou com a presença de Marcos Jorge, ministro da Indústria e Comércio, que fez a abertura do encontro. Ele afirmou que acredita ser necessário que as Companhias Administradoras busquem aprimorar o modo de atuação, focadas na organização administrativa, no planejamento de ações e na adoção de uma visão de negócios.

“As ZPE’s precisam construir uma estratégia própria de atração de investimentos, que abarque temas como a identificação dos setores competitivos, o aperfeiçoamento de material de divulgação, visita às embaixadas, câmaras de comércio e agências de investimentos e a realização de missões”, ressaltou Jorge.

O evento ainda contou com três palestras ministradas por diretores da ZPE Ceará: Mário Lima (Presidência), Andréa Freitas (Técnica) e Miderval Bezerra (Engenharia/TI)”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>